Oração do Corredor de Rua

“Ó Mercúrio, Deus Supremo da Velocidade:
Diante de Ti, este humilde servo vem, de tênis postos, pedir sabedoria, bênçãos e proteção.
Que, antes de qualquer coisa, Tu possas me dar saúde, condição fundamental para os que querem vencer o desafio esportivo mais antigo de todos os tempos: cruzar a superfície do planeta usando apenas o próprio corpo, os próprios pés.
Que, como Feidípedes, o primeiro homem a completar uma maratona, eu possa suportar estoicamente as dezenas e dezenas de quilômetros de treinos semanais, a que terei de me entregar, caso queira vencer.
Que eu possa correr ao lado de amigos, e se não de amigos, de gente gentil, que respeite minhas limitações e se compadeça do meu esforço, tendo sempre na boca uma palavra de estímulo para me ajudar a vencer a ladeira interminável ou a última reta da prova.
Que o calor, se tiver de vir, seja brando ou apareça no último quilômetro da prova. Que a chuva caia na hora certa, nunca antes da largada. E que o vento forte esteja sempre a soprar contra minhas costas, em vez de contra meu peito.
Que meus adversários sejam nobres e, se tiver a graça de vencê-los, que eu jamais os humilhe. Pois sua luta valoriza a minha conquista, sua força alimenta minha resistência e seu caráter ilumina o meu.
Que os grandes heróis das pistas possam ser o farol que ilumina minha trilha rumo à linha de chegada. Dai-me a audácia de Jesse Owens, a coragem de Steve Prefontaine e a resistência de Zatopec. E que o espírito nobre de todos aqueles que singraram pistas e ruas ao redor do mundo, através dos séculos, possam ser meu combustível para a conquista de novos objetivos.
Dai-me forças para vencer os caminhos traiçoeiros, o sofrimento das contusões e as dores de depois dos treino. Mas, acima de tudo, brindai-me com a sabedoria, para que eu possa aceitar bolhas, tropeços e derrotas com o espírito sempre elevado, o espírito de um campeão. Mas acima de tudo, ó Mercúrio, eu Vos peço velocidade.
Que eu possa correr. Correr muito! Correr como um deus com asas nos tornozelos. Quando chegar ao final de minha vida e meus passos cessarem de ser ouvidos sobre a face da Terra, que as pessoas possam velar meu corpo cansado de milhares de quilômetros percorridos, dizendo: “Ele era um corredor.” Não um médico, um empresário, um homem da ciência, um professor ou um estadista, mas, apenas e tão somente, um corredor.
E que eu possa entrar no céu não batendo asas, mas correndo. Correndo como um anjo que cruza um portal de nuvens fazendo um desenho de linha de chegada. Para em seguida dormir nos braços de Nike, a Deusa da Vitória.”
(Marcos Caetano – jornalista e claro, corredor)

*Mercúrio na Mitologia Romana corresponde a Hermes na Mitologia Grega. Ele era o Deus dos viajantes, ladrões e do comércio, sendo também, a personificação da Inteligência. O Deus Mercúrio era encarregado de levar as mensagens de um Deus para o outro.

CorreGabs

Sobre CorreGabs

E aí, tudo ótimo com você? Maravilha, né? Se você chegou até aqui é porque está buscando junto comigo dar um SALTO QUÂNTICO na Evolução Espiritual! Porque gente boa se atrai! Entendeu? Eu sou a CorreGabs, seja muito bem-vindx, ao meu blog! 37 anos, esposa do Fábio, corredora amadora desde 2010, Maratonista desde 27/07/14 e amante da vida saudável! Não espere muita coisa além de: corrida, roupas e acessórios para prática de esportes, agenda de corrida, academia, motivação para corrida, alimentação saudável e corrida! 😆 Na verdade vamos falar de tudo que envolve a expansão da consciência! Porque tá tudo conectado! Sigamos no caminho da luz! Namastê!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.