Katia Fonseca

image_4
“Eu corro por uma mente sã num corpo são. E nesse meu caminho inspiro os aspirantes a fazerem o mesmo, e me inspiro com eles” (KTF)

Havia começado a correr na rua, não fazia ainda nem quatro meses (antes corria somente em esteira), aos 44 anos, e resolvi me aplicar no website da Maratona de Nova Iorque, porque fiquei sabendo que se eu não fosse sorteada nos três primeiros anos, no quarto ano e o seguinte, eu ganharia o direito para a minha inscrição. Então pensei: ‘terei mais de três anos para me preparar…’


Vale ressaltar que o dia em que fiz a aplicação de minha ficha no site, tinha acabado de fazer a minha primeira São Silvestre e estava muito motivada com a corrida. Mas a minha motivação mudou. Logo em seguida tive um problema físico, e em três meses precisei fazer uma cirurgia de urgência. E em meio a recuperação da cirurgia, recebo um e-mail, me comunicando que estava inscrita na Ing Marathon NY2012, e que era uma das atletas selecionadas. Nesse momento me veio a pergunta: ‘E agora?’ Essa pergunta eu respondi escrevendo um blog chamado Caminho à Primeira Maratona, onde conto a minha relação intensa com a corrida em 2012, ano de muitas provas e ano de muito aprendizado.

image_3
O tempo passou, a Maratona de Nova Iorque passou junto com ele, e percebia a cada dia que já não podia mais viver sem o hábito de correr. E com o vício da corrida vieram muitas experiências em provas de ruas. Eu corria todos os finais de semana e creio que isso seja prática de principiante. Com o tempo ficamos mais polidos em nossas escolhas, mesmo porque já possuímos uma certa experiência que nos permite conhecer o que queremos e o que não queremos e qual o caminho a seguir.

image
Como o meu segundo vício é filosofar e articular a escrita, então em início de 2013 criei o meu segundo blog de corrida com o intuito de filosofar, o Webcorrida. Em meio ao caminho, resolvi dissertar um pouquinho as minhas viagens e meias maratonas. E com isso o blog ganhou corpo e caminha na corrida juntamente com a história desta corredora amadora que vos fala.

image_2
Sou muito agradecida por todos os corredores que cruzaram o meu caminho deixando um pouquinho de si e de aprendizado, e sigo adiante com muita vontade sempre de continuar. Com algumas maratonas e muitas meias maratonas realizadas, levo comigo o poder de ser capaz; a lembrança infinita da lágrima nos olhos de muitas emoções; a ânsia por encontrar com os amigos e conversar ou trocar conversas sobre o mote; alguns bons momentos da retirada de kits; as viagens feitas para  correr; a alegria de usar um tênis de corrida e um Garmin pela primeira vez; o frio na barriga do próximo desafio; a absoluta certeza de querer continuar e com Deus ir para a luta, lutar!

image_5
E quando o assunto é correr, o que eu não posso deixar de dizer, mesmo com muito pouco tempo de corrida, mas creio que um pouco experiente no assunto, é que em minha opinião, o mais necessário para sempre continuar correndo, é um corpo fortalecido mas não robótico, uma velocidade lapidada e trabalhada, mas nem sempre a nossa maior, porque quanto mais se voa, maior será a frequência de lesões e abstinência de corrida. É preciso equilibrar o software e o hardware, levando em consideração que nosso hardware possui mente e corpo e que o software não pode ser Windows nem Mac para todo mundo! Nosso corpo é singular e não aceita planilha que foi formatada para a turma toda. Aquele que equilibra, se permite ser livre e tem maior chance de sempre continuar correndo.

image_1

Todavia, a não ser para cirurgia feita em janeiro de 2012, eu não passei sequer nem uma só semana sem correr e nunca me lesionei. Esse cuidado a mais de não se encher de lesão é o que nos garante vida longa na corrida. Um exemplo prático desse meu blá blá blá, é a minha opção por meias maratonas. Entendi que o meu peso em treinos muito longos por períodos grandes de tempo como treinar para uma maratona, não poderia ser rotina para mim, a não ser que eu optasse por uma fascite plantar ou uma canelite. As lesões fazem parte, sim, mas deixemos elas para os profissionais do esporte.

11020464_942324579140833_3246787514817091938_n

E assim é que eu acredito que devemos caminhar. Escutando o nosso corpo e fazendo as nossas próprias escolhas. Ah, e o quesito suplementação esportiva? Tenho acompanhamento com nutricionista especializado no esporte, desde o primeiro dia que coloquei os pés nas pistas, e uso suplementos. Penso que a exigência dos treinos exige um aporte para a nossa máquina humana. E que todos esses cuidados me levem com a corrida para a eternidade.
Muito obrigada Marília, corredora querida, que faz de seu blog um instrumento democrático e de todos nós corredores! E vamos adiante, correndo e compartilhando. Compartilhando e correndo!

Instagram
Facebook
Blog

CorreGabs

Sobre CorreGabs

E aí, tudo ótimo com você? Maravilha, né? Se você chegou até aqui é porque está buscando junto comigo dar um SALTO QUÂNTICO na Evolução Espiritual! Porque gente boa se atrai! Entendeu? Eu sou a CorreGabs, seja muito bem-vindx, ao meu blog! 38 anos, esposa do Fábio, corredora amadora desde 2010, Maratonista desde 27/07/14 e amante da vida saudável! Não espere muita coisa além de: corrida, roupas e acessórios para prática de esportes, agenda de corrida, academia, motivação para corrida, alimentação saudável e corrida! 😆 Na verdade vamos falar de tudo que envolve a expansão da consciência! Porque tá tudo conectado! Sigamos no caminho da luz! Namastê!

3 pensou em “Katia Fonseca

  1. Muito brigada pelo apreço Marília (Gabs) querida!
    Abraço e muito sucesso com seu blog e muitos quilômetros para você!
    Vamos que vamos! Adiante!

  2. Sabia que ia me emocionar ao ler sua história, porque sei desde quando comecei a te acompanhar que vc é uma corredora diferenciada, no sentido de estar a alguns passos, kms ou anos-luz à frente da maioria de nós que amamos correr e praticamos essa atividade. Parabéns Katia e que bom que também compartilhe essa mesma mensagem que tenho tentado passar para quem está perto de mim: vamos deixar as lesões para os prof porque queremos e devemos correr para toda a vida e não somente a próxima prova. Um prazer enorme em te conhecer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.